terça-feira, 30 de outubro de 2007

A importância do jogo na educação

O jogo tem um papel muito importante nas áreas de estimulação, principalmente da educação infantil e é uma das formas mais naturais da criança entrar em contato com a realidade, tendo o jogo simbólico um papel especial. O jogo é uma característica do comportamento infantil e a criança dedica a maior parte de seu tempo a ele. Piaget (1998) acredita que o jogo é essencial na vida da criança.
O jogo é, por excelência, integrador, há sempre um caráter de novidade, o que é fundamental para despertar o interesse da criança, e à medida em que joga ela vai se conhecendo melhor, construindo interiormente o seu mundo.

Esta atividade é um dos meios mais propícios à construção do conhecimento. Para exerce-lâ a criança utiliza seu equipamento sensório-motor, pois o corpo é acionado e o pensamento também, e enquanto é desafiada a desenvolver habilidades operatórias que envolvam a identificação, observação, comparação, análise, síntese e generalização, ela vai conhecendo suas possibilidades e desenvolvendo cada vez mais a autoconfiança. É fundamental, no jogo, que a criança descubra por si mesma, e para tanto o professor deverá oferecer situações desafiadoras que motivem diferentes respostas, estimulando a criatividade e a descoberta.

3 comentários:

sonia_mgermano disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cleirton Feitosa disse...

Os jogos educativos são de suma importância no processo de ensino/aprendizagem. Deste modo, o educador deve atribuir em suas aulas estes recursos que contribuem na aprendizagem dos alunos, além de estimula-los a aprender aos conteúdo a serem desenvolvidos.
Cabe a "nós" futuros estagiários a incluir os recursos disponíveis em nossas metodologias de ensino.

Elissandra disse...

Os jogos educativos sem duvida é uma grande ferramenta para estimular o raciocínio, concentração das crianças, cabe aos educadores saber dosar na medida certa.